14ago 2015

Leite Fraco: Será que existe?!

Post por às em Amamentação, Filhos, Mães

O mito do leite fraco ainda paira no ar, mesmo com muita informação de qualidade disponível hoje em dia que esclarece tal inverdade. Ainda vejo muitas pessoas acreditando piamente que leite fraco existe e que muitas mães sofrem com esse mal. Inclusive muita gente próxima a mim, já me disse que eu mesma poderia ter leite fraco e já me questionaram sobre tal possibilidade, já que minha Loreninha não é das mais “gordas”.

Mas a realidade é que leite fraco não existe! E isso não sou eu apenas que estou afirmando, mas é algo comprovado. Por este motivo é que os especialistas recomendam que a amamentação seja exclusiva até o sexto mês de vida dos bebês, não sendo necessário nenhum outro alimento. Após o sexto mês, aí sim; a orientação é que seja oferecido e introduzido novos alimentos ao bebê, que mesmo assim deve continuar sendo alimentado também com o leite materno até os dois anos ou mais.

#leitefraco:seráqueexiste?

Leite materno não tem nada de fraco, pelo contrário é um alimento altamente PODEROSO e FORTE! Ele tem efeito de vacina para os bebês e protege os pequenos de várias doenças. Foi comprovado 250 substâncias de proteção no leite materno. Por este motivo ele é o melhor alimento para os nossos filhos!!! Além do que amamentar já falei aqui em posts anteriores relacionados a amamentação; que a amamentação não protege somente os bebês mas também as mulheres que amamentam. As mães que amamentam seus pequenos estão menos suscetíveis  a desenvolver câncer de mama entre muitos outros benefícios cientificamente comprovados.

Uma dúvida muito comum com relação ao leite materno acontece, quando os bebês querem mamar com mais frequência  e dessa forma muitas mães passam a acreditar que seu leite não está sustentando o seu filho. Existe uma explicação para isso: a digestão do leite materno é mais rápida do que o leite de vaca por exemplo. Por isso pode ser que o bebê queira mamar mais. Existem outras explicações também como: o desejo de sentir o cheiro da mãe e estar em contato com ela, cólicas.

Minha filha está com 11 meses, logo vai completar 01 aninho e tenho orgulho de dizer que ela ainda é amamentada em todos os momentos que deseja; ou seja, a livre demanda. Mas isto está sendo possível também porque trabalho em casa, mudei minha rotina de vida e trabalho, para conseguir me dedicar a ela e um dos pontos também foi a amamentação. Queria muito amamentá-la por um tempo maior do que amamentei meu primeiro filho. Este foi amamentado até o quinto mês de vida. Justamente parei com a amamentação para trabalhar fora, e desta vez queria fazer diferente. E  está sendo maravilhoso!!! Sei que para as mamães que trabalham fora de casa é mais complicado.

descobertas

Voltando ao tema do “leite fraco” veja o que diz na caderneta de saúde da Lorena que recebemos na maternidade, assim que ela nasceu em Setembro de 2014: “Não existe leite fraco! Todo leite materno é forte e bom. E se o bebê mamar com frequência o leite não seca. Pelo contrário  amamentação estimula a mãe a produzir mais leite. Sabendo disso, não deixe que ideias falsas atrapalhem a amamentação”. Viram?! Isto é recomendação saudável, amorosa e de fonte confiável. Por este motivo amamentem seus filhos! Quando alguém dizer que seu leite é fraco, não caia nessa! Muitas pessoas ainda falam isso, mas não é por maldade, mas porque estão realmente mal informadas. Então, desconsidere e releve o comentário rs. Mas não deixe de amamentar. Não abra mão deste momento tão especial e sublime!

Que tal trocar o leite é fraco por: leite é PODEROSO e FORTE? Porque a verdade é essa! Leite materno é PODEROSO é FORTE! Nunca esqueça disso! Quando desconfiar de que isso seja verdade é só lembrar de todas as fontes de proteção que ele proporciona para os nossos bebês. Além do vínculo amoroso, afetivo, contato físico, que ele proporciona. Então, vamos lá! Leite fraco não existe, mas leite FORTE existe! E toda mãe tem leite FORTE E BOM para oferecer aos filhos. E vocês, já escutaram muitas histórias sobre o “leite fraco”? Contem pra gente!

Beijos maternos, Liri

comentário(s) via facebook

2 comentários deixe um →

  1. Anny

    Posso dizer que então que o leite não é fraco maia que o bebê de guloso sim ?

    Responder
    • Liri Bauer

      Oi Anny, os especialistas dizem que quando o bebê quer mamar bastante, pode significar que ele queira estar em contato com sua mãe apenas, sentir seu cheiro, pois isso acalma muito os bebês. Pode ser cólica também ou fome mesmo, já que a digestão do leite materno é mais rápida que a do leite de vaca, fórmula infantil. 😉 Beijos

      Responder