/ desenvolvimento infantil

10ago 2016

10 Atitudes para Contribuir no Desenvolvimento dos Filhos

10-atitudes-para-contribuir-no-desenvolvimento-dos-filhos

Participar e presenciar as novas descobertas das nossas crianças é geralmente uma imensa alegria. É importante que possamos auxiliar de maneira positiva em cada fase dos pequenos, pois muitas vezes os pais não sabem muito bem como agir. Por este motivo, listei 10 atitudes para contribuir no desenvolvimento saudável do seu filho. Confira!

1- Tenha um bom relacionamento com seu parceiro

Busque manter um bom relacionamento e uma convivência positiva com seu companheiro, pois os filhos percebem quando isso não ocorre, o que pode afetar negativamente o desenvolvimento das crianças. Um convívio harmonioso em família é  muito mais agradável para todos. É necessário que os pequenos, convivam em um ambiente acolhedor e envolto de amor, para que possam crescer saudáveis e felizes.

2. Entenda seus objetivos como mãe

Saiba o que realmente você quer e deseja para a educação de seus pequenos e busque aplicar diariamente.  Utilize as suas experiências e qualidades a favor do desenvolvimento dos filhos; Não se cobre demais, pois ninguém é perfeito, mas busque sempre o seu próprio aprimoramento como mãe e aprenda todos os dias algo novo.

3. Atribua qualidade ao tempo que você passa junto com seus filhos

Se você trabalha fora de casa, estuda, etc e sente que tem pouco tempo para estar com suas crias, saiba que este na realidade não é um grande problema. No entanto, quando estiverem juntos, foque mais na qualidade do tempo do que na quantidade. Por exemplo: desligue o celular, brinque com eles, olhe nos olhos de seus filhos, esteja presente de corpo e alma sabe? Desligue-se dos problemas e preocupações cotidianas e aproveite intensamente cada minuto que vivenciam lado a lado. Procure dedicar ao menos 15 minutos diários exclusivamente para seus filhos.

4. Procure  compreender as ações do seus filhos, isto é, às “pistas” emocionais que dão a você.

Por exemplo, se   estão mais agressivos do que o “habitual”, se evitam as suas demonstrações de afeto e carinho… Através do comportamento de nossos pequenos é possível descobrir muitas coisas; Afinal a rebeldia de uma criança  é sempre uma letra para ler, para decifrarmos e não para punir…

5. Aprenda a regular as emoções para não interferir de maneira negativa na vida dos filhos

Sabemos que a vida de uma mãe não é nada fácil, mas não “descarregue” as suas frustrações nas crianças; porém é preciso buscar apoio emocional nesses momentos. Peça ajuda e converse com seu parceiro, sua mãe, uma amiga, ou até mesmo se sentir necessidade, busque amparo de um profissional.

6. Aceite os limites da criança de acordo com as fases de seu desenvolvimento

Não compare sua criança com outras e não exija dela, mais do que pode fazer e oferecer… Tenha paciência, incentive e estimule seus filhos de maneira saudável e positiva.

7. Seja engajada. Envolva-se nas atividades do filho (como estudos, brincadeiras e esportes)

Os pais devem ter participação ativa na vida de seus pequenos; Demonstre REAL interesse para com seus filhos, eles percebem quando estamos de fato interessados ou não.

8. Promova emoções positivas, estimulando seu filho a refletir sobre alguma ideia ou atitude

Pergunte sempre aos seus filhos, o que eles acham e pensam sobre uma determinada ideia ou ação.

ASSINE A NEWSLETTER E RECEBA OS PRÓXIMOS POSTS SOBRE O ASSUNTO. SIGA TAMBÉM A ESTAÇÃO MATERNA NAS REDES SOCIAIS:

9. Estimule a curiosidade e criatividade da criança

O diálogo com os filhos pode ser um bom incentivo para estimular a curiosidade. Perguntas do gênero “quem, onde, como e por quê?” incitam a busca por respostas. Estimule a criatividade de seus filhos através de brincadeiras, desenhos, pinturas. Leve-os sempre que puder para brincarem em meio a natureza.

10. Não elogie apenas as qualidades dos filhos

A cada conquista, os pais devem reconhecer o esforço do filho como forma de valorizar o seu empenho. Cuidado com as palavras que podem desestimular a aprendizagem e criatividade, como: você não vai conseguir, você não é capaz, tal pessoa consegue e você não…. Sempre busque usar palavras que tenham efeitos positivos e não o contrário. Já escrevi um artigo com palavras e frases essenciais na relação pais e filhos. Se você ainda não leu, é só clicar AQUI

Gostaram da lista? Comentem!!

Beijos maternos, Liri ♥